quarta-feira, março 31, 2004


Led Zeppelin - Led Zeppelin

Decorria o décimo segundo dia do primeiro mês de 1969 quando o disco homónimo dos Led Zeppelin foi editado numa Inglaterra que recebia, ao mesmo tempo, Let It Bleed dos Rolling Stones e Yellow Submarine e Abbey Road dos Beatles, por entre outras conquistas musicais. Depois da transformação dos Yardbirds em cinzas, Jimmy Page, que até então tinha alinhado pela banda conhecida pelo trio Clapton, Beck e Page, convida John Paul Jones para o baixo, Robert Plant (um jovem que cantava em bares para ganhar dinheiro para comer e tinha passado por algumas, poucas, bandas antes de se juntar ao seu projecto de sempre) para a voz, e, por último, John Bonham, que até chegou a receber um convite para se juntar a Joe Cocker. O nome Led Zeppelin, sugerido por Keith Moon, baterista dos The Who que, e em jeito de piada, se referiu à banda como um possível desastre de zepelim, já não era estranho para muita gente, pois a banda tinha vindo a dar alguns concertos pela Inglaterra (especialmente em universidades e em pavilhões) ainda com o nome de New Yardbirds. Na capa do disco, mostra-se um zepelim em chamas pronto a embater no solo. Talvez isso fosse o prenúncio que alguma coisa de marcante se preparava para acontecer.

O resto da crítica a Led Zeppelin encontra-se no sítio habitual e pode ser consultada aqui.
Sons de hoje

Nitin Sawhney - Beyond Skin
DJ Shadow - Endtroducing
Bowery Electric - Lushlife
João Gilberto - The Legendary João Gilberto
Xela - Tangled Wool
Red House Painters - Ocean Beach


Afinal, os N.E.R.D não vão actuar no Festival de Lisboa, mas sim no Super Bock Super Rock. A banda de Pharrell Williams, Chad Hugo e Shay, que lançaram em 2004 Fly or Die, actuam no dia 10 de Junho.

terça-feira, março 30, 2004

Sons de hoje

Growing - Sky's Run Into The Sea
Sloan Wainwright - Sloan Wainwright
Johnny Cash - American III - Solitary Man
Led Zeppelin - Led Zeppelin
Nervous Cop - Nervous Cop
Appendix Out - Daylight Saving


Os Fantômas, banda liderada por Mike Patton, vai apresentar-se em Portugal para um concerto a realizar-se na Aula Magna, em Lisboa, no dia 21 de Maio.

segunda-feira, março 29, 2004

Sons de hoje

Simentera - Tr'adicional
Red house Painters - Down Colorful Hill
Nick Drake - Bryter Layter
King Cobb Steelie - Mayday
Guided By Voices - Bee Thousand
Joy Division - An Ideal for Living EP
Mice Parade - Obrigado Saudade
Spring Heel Jack - Versions
Mono - One Step More And You Die
Telefon Tel Aviv - Fahrenheit Fair Enough
The Astonishing Urbana Fall - Iconolator
Neil Young - Silver & Gold
Low - Murderer EP
The Smiths - Meat is Murder


Aproveito a dica d'A Árvore das Cassiopeias para anunciar a vinda do Jan Garbarek Group a Portugal para dois concertos no Centro Cultural de Belém em Lisboa, nos próximos dias 13 e 14 de Maio. O saxofonista norueguês faz-se acompanhar de Ebehrard Weber no contrabaixo, Rainier Brüninghaus no piano, e teclados e Marilyn Mazur na percussão.

domingo, março 28, 2004

Sons de hoje

Bigg Jus - Black Mamba Serum
Saint Etienne - Sound Of Water
Miss Kittin - Radio Caroline, Vol. 1
Doc Martin - Fabric, Vol. 10
Damien Jurado - Four Songs EP
Nick Drake - Bryter Layter
Sloan Wainwright - Sloan Wainwright

sábado, março 27, 2004

A leveza dos dias vulgares



Lisa Cerbone nasceu em New Jersey e apareceu pela primeira vez em 1993 com o lançamento do seu disco de estreia. Dois álbuns e mais de dez anos depois, regressa com Ordinary Days, que conta com a participação de Mark Kozelek, líder dos Red House Painters. É um bom exemplo de uma cantautora que aprendeu a transformar pequenas histórias em grandes canções. Com elas, faz sobreviver a inocência, a vulnerabilidade e dá relevo aos mais pequenos fragmentos de vida enquanto recolhe os pequenos bocados de um espelho partido durante a infância. A música tornou-se o caminho natural a seguir quando a ideia de ter uma vida como a de tantas outras pessoas lhe pareceu ser insuficiente. De uma disponibilidade e humildade incríveis, Lisa confessa-se ao Bodyspace.

A entrevista a Lisa Cerbone, aqui.

Mono. O Meu Mercedes é Maior Que o Teu. Porto. 26 de Março



Takaakira "Taka" Goto, o guitarrista principal dos japoneses Mono, já tinha avisado: “Quando a audiência é pequena, tornamo-nos mais violentos. Tentamos matá-los com o som”. Ora, quem conhece o Mercedes (que hoje mais parecia um carro japonês) sabe que as dimensões do bar são bastante reduzidas, e quem lá esteve para o concerto de bom grado admitirá que uma violenta onda sonora abalou as hostes durante cerca de uma hora. A actuação, que estava marcada para as onze da noite, começaria com cerca de duas horas e meia de atraso, o que fez com que, automaticamente, os Mono tivessem de se esforçar ainda mais para agradar a uma plateia que aguardava ansiosamente a entrada em cena. Takaakira "Taka" Goto (guitarra), Tamaki (baixo), Yasunori Takada (bateria) e Yoda (guitarra) entraram no palco mudos e quedos e da mesma forma o haveriam de deixar. Raramente olharam para o público, não trocaram nenhuma palavra entre si e muito menos para a audiência e carregaram sempre na face aquela expressão séria e sensata de quem sabe, melhor do que ninguém, aquilo que se iria passar. Em frente do palco, uma quantidade absurda de pedais e parafernália electrónica. No chão, nem sinal havia de uma set list ou algo que lhe valesse.

O resto da review ao concerto de ontem dos japoneses Mono, consultar o Bodyspace.


Os norte-americanos Numbers, que editaram em 2004 o disco All My Mind All the Time (na foto) pela Tigerbeat6, vão estar em Portugal para um concerto a realizar na Galeria Zé dos Bois, em Lisboa, no dia 22 de Abril.
Sons de hoje

Isobel Campbell - Amorino
Califone - Heron King Blues
Mirah - C'mon Miracle
Liars - They Were Wrong So We Drowned
Last Days Of April - If You Lose It
This Beautiful Mess - Falling On Deaf Ears
Perry Blake - Still Life
Spiritualized - Let It Come Down
Ryan Adams - Demolition


Realiza-se nos próximos dias 1,2 e 3 de Abril o 14º Festival Interceltico do Porto. O programa é o que se segue:

Dia 1 de Abril

Kila, no CCBelém, em Lisboa

At-Tambur + Muzsikás Ensemble/Marta Sebéstyen, no Teatro Rivoli, no Porto

Dia 2 de Abril

Muzsikás Ensemble/Marta Sebéstyen, no CCB, em Lisboa

Realejo + Atlántica, no Teatro Rivoli, no Porto

Kila, no Cine-Teatro Curvo Semedo, em Montemor-o-Novo

At-Tambur, na Casa das Artes de Arcos de Valdevez

Dia 3 de Abril

Kepa Junkera (na foto), no CCB, em Lisboa

Frei Fado D'El Rei + Kila, no Teatro Rivoli, no Porto

Muzsikás Ensemble/Marta Sebéstyen, no Cine-Teatro Curvo Semedo, em Montemor-o-Novo

Atlántica, na Casa das Artes de Arcos de Valdevez

sexta-feira, março 26, 2004

Sons de Hoje

Seam - Are You Driving Me Crazy?
Macha - Macha
Xela - Tangled Wool
The Hunches - Yes. No. Shut It
Aurore Rien - Telesthia EP
Xiu Xiu - Fabulous Muscles
Ryan Adams - Love Is Hell Pt. 2
Sun Kil Moon - Ghosts of the Great Highway
Low - Murderer EP
Godspeed You Black Emperor! - F#A# (Infinity)


Os Telefon Tel Aviv, dupla formada por Charles Cooper e Josh Eustis, vão estar em Portugal para um concerto no dia 2 de Abril no bar Aniki Bóbó, no Porto. Podem (re)ver a crítica a Map of What Is Effortless, o último registo da banda, aqui.

quinta-feira, março 25, 2004

Sons de hoje

Nick Drake - Bryter Layter
New Order - Power, Corruption & Lies
Alla Polacca or Stowaways - Why Not You?
Jay-Z - The Black Album
Mono - Under The Pipal Tree
Colleen - Everyone Alive Wants Answers
Mono - One Step More And You Die
Malcolm Middleton - 5:14 Fluoxytine Seagull Alcohol John Nicotine
Aurore Rien - Telesthia EP
Red House Painters - Ocean Beach

quarta-feira, março 24, 2004



De acordo com o seu site oficial, Diana Krall, vai estar em Portugal para três concertos. Lisboa vai receber a autora de The Look of Love no Coliseu local nos dias 30 de Setembro e 1 de Outubro. Após uma passagem por Espanha e França, Portugal volta a receber a canadiana para um concerto no Porto, no dia 23 de Outubro, em local ainda a determinar.


Ursula Rucker, autora de Supa Sista tem três concertos marcados para Portugal. As datas são as seguintes:

- Teatro Rivoli, no Porto dia 31 de Março
- Teatro São Luiz, em Lisboa dia 2 de Abril
- Centro de Artes e Espectáculos, na Figueira da Foz dia 3 de Abril


Os Mécanosphère, dupla formada por Benjamin Brejon e Adolfo Luxuria Canibal que lançou o primeiro disco em 2003, e a Steve MacKay Radon Ensemble têm 3 concertos marcados para o mês de Abril. No dia 1 de Abril apresentam-se no Santiago Alquimista, em Lisboa e um dia depois actuam em Leira. No dia 3 de Abril actuam no bar O Meu Mercedes é Maior Que o Teu, no Porto.


É já no próximo dia que acontece a a presentação do livro. Estão todos convidados para o cocktail de apresentação do livro "Mão Morta - Narradores da Decadência", escrito pelo Vítor Junqueira e que tem edição pela Quasi Edições. O cocktail de apresentação vai decorrer na livraria Centésima Página, Praça da Faculdade de Filosofia, em Braga, dia 27 de Março de 2004, pelas 17h30 e vai contar com a presença do autor, dos elementos do grupo e do editor.

O convite é, obviamente, feito pelo Vítor.
Sons de hoje

Jack Logan - Monkey Paw
Valete - Educação Visual
Leila - Courtesy of Choice
Mono - Under The Pipal Tree
Mono - One Step More And You Die
Aurore Rien - Telesthia EP
DNTEL - Life is Full of Possibilities

terça-feira, março 23, 2004



De acordo com a noticia do Blitz, os N.E.R.D vão estar em Portugal para um concerto incluído no Festival de Lisboa. A banda de Pharrell Williams, Shay e Chad Hugo, que lançou em o disco Fly or Die actua no mês de Julho.
Sons de hoje

King Cobb Steelie - Mayday
Sonic Youth - Experimental Jet Set, Trash & No Star
Broken Social Scene - Feel Good Lost
Jack Logan - Monkey Paw
Air - The Virgin Suicides
Iron & Wine - Our Endless Numbered Days
El-P - High Water
The Pixies - Pixies at the BBC
Mark Kozelek - Rock 'N' Roll Singer EP
Mono - Under The Pipal Tree
Sigur Rós - ()

segunda-feira, março 22, 2004

Canção do Dia



É de uma menina chamada Jolie Holland e chama-se "Wandering Angus". Faz parte do seu disco de estreia, Catalpa, que tem como sucessor Escondida, editado em 2004 pela Anti. As canções são folk, sempre.

As palavras são de W.B. Yeats e, obviamente, acertadas.

I went out to the hazel wood,
Because a fire was in my head,
And cut and peeled a hazel wand,
And hooked a berry to a thread;
And when white moths were on the wing,
And moth-like stars were flickering out,
I dropped the berry in a stream
And caught a little silver trout.

When I had laid it on the floor
I turned to blow the fire aflame,
But something rustled on the floor,
And some one called me by my name:
It had become a glimmering girl
With apple blossom in her hair
Who called me by my name and ran
And faded through the brightening air.

Though I am old with wandering
Through hollow lands and hilly lands,
I will find out where she has gone,
And kiss her lips and take her hands;
And walk among long dappled grass,
And pluck till time and times are done
The silver apples of the moon,
The golden apples of the sun.


Já se pode encontrar, um pouco por toda a parte, o número 18 da Mondo Bizarre. Vale a pena, como sempre. E este mês, com destaques a:

Soledad Brothers – Lambchop – Oneida - Fantômas – Bobby Conn – Felt – cLOUDDEAD – Hipnótica - Mr. David Viner – Pearlene - Bernardo Devlin - Liars - Baton Rouge - Vibracathedral Orchestra - Rita Carmo - Shins - Keren Ann/Lady & Bird/Bang Gang - Os Melhores do Ano - Einstürzende Neubauten - Probot - The Ponys - Monster Magnet - Neurosis & Jarboe - The Fiery Furnaces - Franz Ferdinand - Gluecifer - Diamanda Galás - The Vicious 5 - 90 Day Men


As datas dos concertos dos islandeses Múm em Portugal foram alteradas. Assim, os responsáveis por Finally We Are No One actuam no dia 5 Maio, no Teatro Sá da Bandeira, no Porto, e apresentam-se na Aula Magna, em Lisboa, no dia seguinte, dia 6 de Maio.


American Splendor de Shari Springer Berman e Robert Pulcini

Harvey Pekar é o homem mais azarado, e complicado do mundo. É um falhado, para dizer o mínimo. Teve sempre empregos terríveis, nunca conseguiu fazer da vida aquilo que queria e agora trabalha como arquivista num hospital e está muito perto de ver o seu segundo casamento ir pelo mesmo caminho que foi o primeiro: divórcio. Harvey começa a ver-se sozinho, encurralado e sem perspectivas de algum dia vir a melhorar.
Um dos seus melhores amigos, Toby Radloff, é um conhecido artista de banda desenhada que, ao ver alguns esboços que Harvey fazia (pois não sabia desenhar), aproveita as suas ideias e começa a ilustrar as situações que estão em papel. Harvey Pekar retrata as pequenas coisas do dia-a-dia, as situações caricatas que observa, os pequenos comentários dos seus amigos e depressa se torna famoso pelos seus livros de BD, a colecção American Splendor. Joyce Brabner, fã do trabalho de Pekar contacta-o e de uma forma peculiar passa a viver em sua casa. Uma semana depois casam-se e revelam ser o casal perfeito, ou pelo menos o mais aproximado possível. Para não contrastar com a vida caótica de Harvey, Joyce colecciona doenças (é alérgica a vegetais, e a tudo o que se possa iamginar), coloca rotolos em todas as pessoas (maníaco-depressivo era o seu preferido), sofre de depressões de semana em semana que duram meses. Mas nem tudo é doce, e os problemas começam a surgir.
Em paralelo com o filme, os actores reais da história, as personagens de verdade de toda esta aventura, comentam todas as situações como se uma entrevista se tratasse. E é aqui que o filme se torna mais singular. O ínicio das cenas, por exemplo, era introduzido por balões de fala como aqueles que se podem ver na banda desenhada. O filme, esse, mesmo sendo de índole biográfica, acaba por ser um dos mais originais surpreendentes estreados em portugal este ano. Tem tanto de divertido como de dramático, tanto de verídico como surreal. Mostra de uma forma simples como se pode ter uma vida tão banal como a de todas as outras e mesmo assim conseguir-se deixar a marca, um cunho pessoal. É já, obviamente, um dos filmes do ano.

P.s. - A Banda Sonora é um portento.


Bob Dylan, o autor de discos como Highway 61 Revisited ou Blonde on Blonde, vai actuar no Festival Vilar de Mouros no dia 18 de Julho. Para o festival que se realiza no Minho, estão também já conformados os Chemical Brothers que actuam no dia 16.
Sons de hoje

Bildmeister - Here Alone
Sleater-Kinney - Call the Doctor
The Stooges - The Stooges
D3Ö - SixPackTrack
Nick Drake - Bryter Layter
Van Morrison - Moondance
Explosions In The Sky - Those Who Tell The Truth Shall Die, Those Who Tell The Truth Shall Live Forever
Mono - Under The Pipal Tree
Jolie Holland - Catalpa
Red House Painters - Ocean Beach
Alla Polacca. Teatro Helena Sá e Costa. Porto. 20 de Março de 2004

Situado na mui recôndita Rua da Alegria, no Porto, o Teatro Helena Sá e Costa, que mostrou ser um excelente local para se assistir a um concerto, recebeu a visita dos Alla Polacca que, para quem ainda não sabe, são formados por Leonel Sousa, Márcio Carvalho, Telmo Carvalho, Pedro Marques e Rodrigo Cardoso. O concerto, esse, acontece ainda inserido na promoção do disco ...Why Not You? que foi editado em 2003, pela Bor Land. Mas o evento seria mais do que uma apresentação dos temas do primeiro disco. Literalmente, pois as actuações dos Alla Polacca costumam ser "pintadas" por temas de compilações da Bor Land e, no caso desta noite, por canções ainda em construção.

Para ver o resto da review ao concerto dos Alla Polacca, consultar a Bodyspace, aqui.

domingo, março 21, 2004

Sons de concertos próximos

Last Days Of April - If You Lose It
Califone - Heron King Blues
Mono - Under The Pipal Tree
This Beautiful Mess - Falling On Deaf Ears
Mono - One Step More And You Die
Calexico - The Black Light
Mécanosphère - Mécanosphère
Nitin Sawhney - Migration
David Byrne - Rei Momo
David Bowie - The Rise & Fall of Ziggy Stardust and the Spiders From Mars

sábado, março 20, 2004



Os Friedmans de Andrew Jarecki

A família Friedman parecia ser uma familia como tantas outras. Um pai, uma mãe e três filhos. As festas de aniversário, as brincadeiras no jardim, as discussões, a vida normal de uma qualquer familia de classe média americana. Viviam em Great Neck, Long Island, junto de uma população familiar e unida. O pai, Arnold Friedman, é um artista: professor de piano, professor de computadores, professor. Um dia, no dia de acção de graças, a policia entra pela casa da familia de Arnold e prende-o. Por trás das aparências, esconde-se uma realidade terrível. Dentro da casa da família Friedman, milhares de revistas de pornografia infantil. Depois de várias investigações, descobre-se que Arnold sodomizava as crianças que ensinava no seu curso de computadores. Os habitantes de Great Neck entram em pânico, tudo fica doido. Um dos filhos de Arnold começa a registar em vídeo as situações vividas pela família, desde a descoberta dos crimes horrendos até ao desenvolvimento final, e prisão de Arnold. Mas o filho mais velho de Arnold também é apontado como culpado em dezenas de crimes de índole sexual. Os dramas da família são captados pela nudez e cruldade de uma handycam. Em jeito de documentário, todos os envolvidos são questionados no sentido de dissecar a verdade: os filhos, a mãe, psicologos e membros da policia e advogados. Uma visão dura e real de um flagelo que cada vez mais afecta a sociedade de hoje. A pedofilia onde menos se esperava, como aliás parece ser sempre o caso.
Sons de hoje

Sérgio Godinho - O Irmão do Meio
Tom Mcrae - Tom Mcrae
DJ Shadow - Endtroducing
Bildmeister - Here Alone
Damien Jurado - Holding His Breath EP
Jeff Buckley - Sketches (For My Sweetheart the Drunk)
Spiritualized - Let It Come Down
Xiu Xiu - Fabulous Muscles
Low - Murderer EP
Red House Painters - Ocean Beach


Além do já anunciado concerto no Santiago Alquimista, em Lisboa, no dia 29 de Abril, os Calexico vão actuar também no Hard Club, em Gaia, no dia anterior, 28 de Abril. Os autores de vão editar um novo EP, Convict Pool, no próximo dia 6 de Abril.

© André Gomes

As velas da memória

Há nos silvos que as manhãs me trazem
chaminés que se desmoronam:
são a infância e a praia os sonhos de partida

Abrir esse portão junto ao vento que a vida
aquém ou além desta me abre?
Em que outro mundo ouvi o rouxinol
tão leve que o voo lhe aumentava as asas?
Onde adiava ele a morte contra os dias
essa primeira morte?
Vinham núpcias sem conto na inconcebível voz
Que plenitude aquela: cantar
como quem não tivesse nenhum pensamento.

Quem me deixou de novo aqui sentado à sombra
deste mês de junho? Como te chamas tu
que me enfunas as velas da memória ventilando: «aquela vez...»?

Quando aonde foi em que país?
Que vento faz quebrar nas costas destes dias
as ondas de uma antiga música que ouvida
obriga a recuar a noite prometida
em círculos quebrados para além das dunas
fazendo regressar rebanhos de alegrias
abrindo em plena tarde um espaço ao amor?
Que morte vem matar a lábil curva da dor?
Que dor me faz doer de não ter mais que morrer?

E ouve-se o silêncio descer pelas vertentes da tarde
chegar à boca da noite e responder

Ruy Belo
Os Mestres da Imagem



Os Bildmeister, formados em 1997, estão de volta com o lançamento do single Here Alone que antecede o primeiro álbum de originais que será lançado ainda este ano. Explay deu-nos a conhecer a banda de Vila do Conde e deixou ficar uma espécie de promessa rock. Seguiram-se os concertos (muitos, mais de trinta) e a cada vez mais segura definição do caminho a seguir, a preparação das rotativas pois dizem que "as paragens servem apenas para recomeçar". Os manos Hugo e Gil Ramos falaram-nos dos primeiros tempos da banda, da ligação ao cinema, do processo de criação, de Explay e dos planos futuros. Tudo em nome do live act with analog rock.

A entrevista aos Bildmeister, aqui.

sexta-feira, março 19, 2004


From Monument To Masses - The Impossible Leap in One Hundred Simple Steps

Os From Monument To Masses são uma das mais recentes coqueluches do pós-rock/rock experimental/indie rock (escolha uma por favor). The Impossible Leap in One Hundred Simple Steps é a segunda amostra do trio composto por Francis Choung, Matthew Solberg e Sergio Robledo-Maderazo. Para quem conhece bandas como os Don Caballero, os Shipping News ou mesmo os Slint, as canções dos norte-americanos não constituirão nenhuma especial novidade. A única diferença é a mistura deste tipo de sonoridades com a raiva de explosões hardcore fugazianas e a proliferação de mensagens políticas a la Godspeed You! Black Emperor (até à data de publicação deste texto, o nome da banda manteve-se igual).

O resto da crítica, aqui.
Sons de hoje

Mark Kozelek - What's Next To The Moon
Deadly Snakes - Ode To Joy
Mondo Generator - A Drug Problem That Never Existed
The Flaming Lips - The Soft Bulletin
Bildmeister - Here Alone
Thee Silver Mountain Reveries - The Pretty Little Lightning Paw EP
Perry Blake - Perry Blake
Mono - Under The Pipal Tree
Xela - Tangled Wool
Nina Simone - Other Woman


Os alemães Micatone vão estar em Portugal para dois concertos inseridos no festival Galp Lounge Tour que conta também com Nitin Sawhney, Tindersticks e Rodrigo Leão. Os concertos realizam-se nos dias 17 e 18 de Abril, no Hard Club em Gaia e na Aula Magna em Lisboa, respectivamente.

quinta-feira, março 18, 2004

Sons de hoje

Franz Ferdinand - Franz Ferdinand
Last Days Of April - If You Lose It
Mono - One Step More And You Die
Sonic Youth - Experimental Jet Set, Trash & No Star
This Beautiful Mess - Falling On Deaf Ears
From Monument To Masses - The Impossible Leap in One Hundred Simple Steps
Charalambides - Unknown Spin
Furtips - When My Baby Smiles at Me, I Go to Rio
Damien Jurado - Holding His Breath EP
Talk Talk - The Colour of Spring
Damien Jurado - Four Songs EP
Bedhead - Bedheaded
Nick Drake - Bryter Layter
My Bloody Valentine - Loveless

quarta-feira, março 17, 2004



De acordo com a noticia do Cotonete, os britânicos Laika vão estar em Portugal para um concerto no Auditório Miguel Franco, em Leiria, no próximo dia 15 de Maio. O concerto dos autores de Sounds of the Satellites está inserido no Festival Fade In.
Sons de hoje

Appleseed Cast - Two Conversations
DJ Shadow - Endtroducing
Björk - Homogenic
Joni Mitchell - Court and Spark

terça-feira, março 16, 2004

O Deus e os monstros


Foto de Arjen Veldt

Iniciou-se na guitarra em miúdo e é agora um músico e compositor reconhecido em todo o mundo. Gary Lucas agarrou o sonho que transportava ainda jovem e só o largou quando conseguiu transforma-lo em realidade. Mais conhecido pelas colaborações com Captain Beefheart e com Jeff Buckley, participou ainda num sem número de projectos quer a nível individual, quer com a sua banda de sempre, os Gods And Monsters. A revista Folk Roots recentemente considerou-o como o "mais interessante guitarrista a tocar actualmente". O Bodyspace foi a Nova Iorque, cidade onde Gary Lucas vive, para lhe fazer algumas perguntas.

A entrevista a Gary Lucas, onde o guitarrista fala dos anos que passou com Captain Beefheart, dos Gods and Monsters, da colaboração com Jeff Buckley e de todos os projectos de que fez parte ao longo de uma carreira já extensa, no sítio habitual... aqui.


Os holandeses This Beautiful Mess, que editaram em 2001 o disco "Falling on Deaf Ears", vão estar em Portugal para dois concertos. No dia 1 de Maio actuam no Santiago Alquimista, em Lisboa, e no dia seguinte, dia 2 de Maio, no bar O Meu Mercedes é Maior Que o Teu, no Porto.


Depois de se saber que Yann Tiersen estará a 12 de Junho na Figueira da Foz, o Disco Digital avança com a notica que o músico francês vai marcar também presença em Lisboa, no dia 10 de Junho, para um concerto no Centro Culural de Belém (CCB).
Sons de um dia de sons portugueses

The Legendary Tiger Man - Fuck Christmas, I Got The Blues
Old Jerusalem - April
Ornatos Violeta - Cão
Gomo - Best Of
Tédio Boys - Porkabilly Psychosis!!!
Mesa - Mesa
D3Ö - SixPackTrack
Mão Morta - Há Já Muito Tempo que nesta Latrina o Ar se tornou Irrespirável
Wray Gunn - Soul Jam
Sétima Legião - Mar D'Outubro
Sérgio Godinho - Domingo no Mundo
More República Masónica - Permanent Revolutions

segunda-feira, março 15, 2004



Os Charlatans UK estão confirmados para uma actuação no Festival de Lisboa onde vão participar também os Deep Purple e David Bowie. Os autores de Tellin' Stories actuam no festival lisboeta no dia 17 de Julho.
Sons de hoje

Death Cab For Cutie - Transatlanticism
Andy White - Teenage
The Sunburned Hand Of The Man - Headdress
TV on the Radio - Desperate Youth, Blood Thirsty Babes
Daedelus - Invention
Rage Against The Machine - Renegades
Last Days Of April - If You Lose It
Mono - One Step More And You Die
Ölga - Ölga EP
Godspeed You Black Emperor! - Slow Riot For A New Zero Kanada EP
Set Fire To Flames - Signs Reign Rebuilder

domingo, março 14, 2004


© André Gomes

As crinas do vento

o vento: música ou murmúrio da árvore.
Encosta a obsessão à parede branca dos quintais.
Vento de mar? E jovem leva a nuvem.
Os sinos de bronze, o cimo das searas:
viver é brusco, tão incerto.
E a minha mão, desabituada de sentir que toca
e é gesto
e me deixa possuir,
a minha mão quer a janela aberta. O vento não tem,
não, não tem
crinas.
Nem as costas luzidias de cavalo ou égua.
Áspero,
vidro partido espetado na terra.
Os dentes de uma serra,
espaço de repouso e cume que agride.
Pôr a mão em tanto
e sem respirar
quando parecia que era tarde e apenas
hora de dormir?

João Camilo
Sons de hoje

Ilya - Poise Is The Greater Architect
Damien Rice - O
Snow Patrol - When It's All Over We Still Have to Clear Up
Quasimoto - The Unseen
The Mars Volta - De-Loused in the Comatorium
Ryan Adams - Love Is Hell, Pt. 1 EP
Red House Painters - Red House Painters

sábado, março 13, 2004

Sons de hoje

The Afghan Whigs - 1965
Mono - One Step More And You Die
D-Mars - Filho da Selva
Red House Painters - Down Colourful Hill

sexta-feira, março 12, 2004



Os Calexico, banda que editou em 2003 o album "Feast of Wire" vai estar em Portugal para um concerto no dia 29 de Abril, no Santiago Alquimista, em Lisboa.


Alguém tem que ceder de Nancy Meyers

Harry (Jack Nicholson) é um solteirão que procura prazer em mulheres mais novas, pois diz que só elas lhe dão a força necessária para continuar. Durante um fim de semana passado na casa da sua namorada, Marin, Harry sente dores no peito e vai directamente para o hospital onde lhe é dito que teve um ligeiro ataque cardíaco. Como a sua namorada teve de se ausentar e Harry não podia ir para muito longe, pois a sua saúde corria perigo, fica à responsabilidade de Erica, a mãe de Marin. Aquilo que ao principio parecia ser uma relação impossível, acaba por se tornar numa surpresa agradável pois ambos descobrem pontros de contactos que julgavam ser impossíveis de existir. Entretanto, o médico de Harry, papel desempenhado por Keanu Reaves, começa a mostrar interesse em Erica, que era escritora de peças e bem mais velha do que este. Com tudo isto, Harry e Marin acabam o namoro pois começavam-se a desenhar novas situações, diferentes perspectivas.
Depois do ataque cardiado, Harry, começa a dar valor a coisas que até à altura lhe pareciam acessórias e opcionais. E se só com a idade atingiu a sapiência necessária para se aperceber dessas coisas, era altura de se agarrar às melhores coisas que lhe apareciam para não acabar sozinho com a sua editora discográfica de hip-hop.


Os Kings of Leon são a última novidade apresentada para o festival Rock in Rio Lisbon. A banda que lançou recentemente "Youth & Young Manhood" actua no dia 30 de Maio.
Sons de hoje

Joy Division - Substance
Don Caballero - For Respect
The Cure - Wish
DJ Shadow - Endtroducing
Mark Eitzel - The Invisible Man
Jeff Buckley - The Grace EPs
Marvin Gaye - Let's Get It On


De acordo com o site da TOMLAB os Xiu Xiu, que editaram recentemente o 3º album de originais, Fabulous Muscles, vão estar em Portugal para um concerto em Lisboa, no dia 5 de Maio.

quinta-feira, março 11, 2004

Joni Mitchel - Court and Spark
Mark Mulcahy - Fathering
Fiona Apple - When the Pawn Hits the Conflicts He Thinks Like a King
Red House Painters - Down Colourful Hill
Xela - For Frosty Mornings And Summer Nights
Nagisa Ni Te - Songs for a Simple Moment
The High Canadiens - Empty Chairs; Festivity
The Delgados - Domestiques
Seam - Are You Driving Me Crazy?

quarta-feira, março 10, 2004

Sons de hoje

Jeff Buckley - Sketches (For My Sweetheart the Drunk)
Dave Douglas - Witness
Nick Drake - Bryter Layter
Damien Jurado - Rehersal For Departure
Neil Young & Crazy Horse - Broken Arrow
Albert Ayler - Spiritual Unity
Mono - One Step More And You Die
Xela - Tangled Wool
Dakota Suite - Songs for a Barbed Wire Fence
Red House Painters - Red House Painters II


De acordo com a noticia do Cotonete, O francês Yann Tiersen, autor da banda sonora de O Fabuloso Destino de Amélie Poulain, vai estar em Portugal para concerto único, a decorrer no Centro de Artes e Espectáculos, na Figueira da Foz, no dia 12 de Junho.

terça-feira, março 09, 2004



A estação de rádio 6 Music da BBC organizou uma curiosa votação para escolher o melhor tema para se ouvir quando se está deprimido. E a lista dos vencedores é a seguinte:

1- The Smiths - «I Know It's Over»
2- Bowling For Soup - «Girl All The Bad Guys Want»
3- REM - «Everybody Hurts»
4- The Cure - «Pictures Of You»
5- Radiohead - «Fake Plastic Trees»
6- Joy Division - «Love Will Tear Us Apart»
7- Pink Floyd - «Comfortably Numb»
8- Kate Bush and Peter Gabriel - «Don't Give Up»
9- Blur - «This Is A Low»
10- The Beatles - «Good Day Sunshine»
11- Red Hot Chili Peppers - «Under The Bridge»
12- Tori Amos - «China»
13- Portishead - «Glory Box»
14- Al Green - «Tired Of Being Alone»
15- Mercury Rev - «The Dark Is Rising»
16- Lou Reed - «Pale Blue Eyes»
17- Spiritualised - «Stop Your Crying»
18- The Darkness - «I Believe In A Thing Called Love»
19- Faithless - «Insomnia»
20- Polyphonic Spree - «Light And Day»
Sons de hoje

Bedhead - Bedheaded
King Cobb Steelie - Mayday
Joy Division - Substance
Meteorites - Dub The Mighty Dragon
Sonny Sharrock - Highlife
The Stooges - The Stooges
Dave Holland Quartet - Conference of the Birds
Need New Body - UFO
Gang of Four - Shrinkwrapped
Minor Threat - Complete Discography
Charles Mingus - The Black Saint And The Sinner Lady
Yasume - Where We're From The Birds Sing a Pretty Song
Sloan Wainwright - Sloan Wainwright


Bobby Conn, o músico que lançou recentemente o disco The Homeland, vai actuar no Lux, em Lisboa, no próximo dia 15 de Abril.


A Festa do Bloco De Esquerda vai decorrer nos próximos dias 2 e 3 de Abril, nas Docas Alcântara e tem o seguinte cartaz:

Dia 2

Mario Laginha
Camané e Mísia
Sérgio Godinho (na foto)
Tora Tora Big Band

Dia 3

Sloopy Joe
Terrakota
Rádio Macau

segunda-feira, março 08, 2004



21 Gramas de Alejandro González Iñárritu

21 Gramas conta-nos a história de três pessoas e descreve-nos a maneira como estas três pessoas, que aparentemente não têm nada em comum, se cruzam numa sequência violenta de acontecimentos. Christina (Naomi Watts) é casada e tem duas filhas e um passado de dependência das drogas. Paul é um excelente matemático e tem com Mary (Charlotte Gainsbourg) uma relação pouco estável: Mary tenta engravidar apesar das contrariedades e Paul enfrenta graves problemas de coração e precisa urgentemente de um transplante de coração. Para completar o trio, aparece Jack (Benicio Del Toro) um ex presidiário agora convertido à religião como que de maneira a redimir-se pelo seu passado menos correcto.
Depois de, num acidente, Jack matar o marido e as duas filhas de Christina, Paul acaba por receber o coração do marido de Christina. Depois de descobrir a quem pertencia o coração que agora era seu, Paul começa uma relação com Christina que acaba por se tornar perturbadora. Christina tem perto de si o coração do seu falecido marido no corpo de um homem que, até há pouco, lhe era estranho.
O filme vale essencialmente pelo argumento. As pequenas peças da história vão-se juntando até construirem o enredo principal. É um bom follow-up do mesmo realizador de "Amor Cão".


Os Chemical Brothers, autores de canções como "Hey Boy Hey Girl" ou "Star Guitar", vão actuar na edição 2004 do Festival Vilar de Mouros. A dupla Tom Rowlands / Ed Simons apresenta-se no primeiro dia do festival, dia 16 de Julho.


Iggy Pop e os Stooges vão marcar presença no Festival de Lisboa, juntando-se assim aos Deep Purple e a David Bowie, já confirmados para o evento.
The Grey Blues Bend. Máus Hábitos. Porto. 6 de Março de 2004



A Bor Land e o espaço Maus Hábitos no Porto estão juntos numa iniciativa que visa o lançamento de uma compilação e uma série de seis concertos. Esta ideia foi apelidada de “CD1MH” e engloba meia dúzia de projectos: os Fat Freddy, Simpletone, The Grey Blues Bend, The Unplayable Sofa Guitar, Rose Blanket e os Tenaz.
Depois dos Fat Freddy e os Simpletone terem passado pelo Maus Hábitos, era dia de receber os The Grey Blues Bend. São de Lisboa e foram concorrentes no Termómetro Unplugged 2003. Compostos por Bernardo Palmeirim (Voz e Guitarra), Norberto Lobo (Voz e Guitarra), Filipe Rocha (Baixo e Voz), Ricardo Santos (Bateria) e Pedro Magalhães (Programação) apresentaram aquilo que eles próprios descrevem como sendo “uma fusão contemporânea de várias fontes, desde a música clássica à electrónica, passando por marcas do psycadelic 60's e do Pop/Rock”.

O resto da review ao concerto, aqui.
Sons de hoje

My Bloody Valentine - Loveless
Andy White - Teenage
Spiritualized - Amazing Grace
Arab on Radar - Stolen Singles
Deerhoof - Milk Man
Last Days Of April - If You Lose It
Constantines - Shine A Light
Azure Ray - Hold On Love
OOIOO - Feather Float
Red Snapper - Making Bones
7 seconds - Walk Together, Rock Together
Clem Snide - Soft Spot
Keren Ann - Not Going Anywhere
Yasume - Where We're From The Birds Sing a Pretty Song
Blonde Redhead - Misery Is A Butterfly
Joni Mitchell - Court and Spark
Jeff Buckley - Live a L'Olympia


Lhasa de Sela, a cantora americana que lançou recentemente The Living Road , vai estar em Portugal, no próximo mês de Julho para quatro concertos: no Porto, Lisboa, Coimbra e em Aveiro.


Os alemães Jettison actuam hoje, dia 8 de Março, no bar O Meu Mercedes É Maior Que O Teu, no Porto. A banda composta por Johannes Schreiber, Thomas Hahn, Florian Gudzent, Sebastian Busch e Michael Kokus encontra-se a promover o album de estreia, "Heat Wave". Os bilhetes para o concerto custam 3€.

domingo, março 07, 2004

Sons de hoje

Kings Of Leon - Youth & Young Manhood
Bang Gang - Something Wrong
Mirah - C'mon Miracle
Radiohead - Kid A

sábado, março 06, 2004

Sons de um dia alfabético - Parte VI

Wordsong - Al Berto
Yasume - Where We're From The Birds Sing A Pretty Song
Zoviet France - Decriminalisation Of Country Music

sexta-feira, março 05, 2004



Os britânicos Massive Attack vão estar em Portugal para um concerto no dia 11 de Junho, em Lisboa. O concerto está integrado no festival Super Bock Super Rock que este ano conta já com as presenças dos Pixies, Lenny Kravitz, Fat Boy Slim e os portugueses X-Wife.


Os Spacek vão estar em Portugal para um concerto no bar Indústria, no Porto, no dia 20 de Março. Os Spacek de Steve Spacek, Edmund Cavill e Morgan Zarate lançaram em 2003 "Vintage Hi-Tech".


Os norte-americanos Califone, que lançaram recentemente "Heron King Blues", vão actuar em Portugal no próximo dia 10 de Abril. O concerto vai acontecer na Galeria Zé dos Bois, em Lisboa, havendo ainda a possibilidade de ser marcado um concerto no dia seguinte, 11 de Abril, num local ainda a designar.